Sub-categorias

Notícia

Agricultor oferece duas toneladas de kiwis

Tradição é cumprida todos os anos no concelho da Feira.
Por Lusa|01.12.16
Agricultor oferece duas toneladas de kiwis
Gastão Valente já oferece kiwis há 20 anos Foto Lusa

Um empresário agrícola da vila de Escapães distribuirá esta semana duas toneladas de kiwis por vários locais do concelho da Feira, onde chegam a considerá-lo um "abençoadinho homem" por oferecer tanta fruta a quem a quiser levar para casa.

Gastão Valente já tem esse hábito há 20 anos e cumpre sempre o mesmo ritual durante a colheita dos seus 2,5 hectares de plantação: apanha todos os kiwis com o grau de dureza exigido pelos revendedores, seleciona para comercialização os maiores e separa todos os que possam ser "rejeitados pelos supermercados, ou porque não apresentam o calibre exigido, ou porque são aleijados ou gémeos".

Reunido esse "refugo" em várias paletes-caixa, elas são depois instaladas num trator em que o sexagenário faz sucessivas viagens para distribuir os kiwis pela população das redondezas: oferece umas dezenas de quilos às escolas de Escapães, leva outras tantas para os bombeiros de Arrifana, faz o mesmo com a CERCI da Feira. O grosso da doação fica, contudo, pousado em paletes nos passeios do centro de Escapães, para quem lhe quiser pegar e com ele encher sacos plásticos ou caixas de cartão.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Cm ao Minuto

J. Rentes de Carvalho

Era ali o fim da linha

Fora o primeiro comboio, e quis perdê-lo, certa de que muitos viriam.

João Vaz

O antes do 1.º de Maio

Amanhã, o 1º de Maio, Dia do Trabalhador, é feriado nacional como acontece desde 1974.

Magalhães e Silva

Corrupção

Marcelo pode transformar o combate à corrupção em projeto nacional.

Rui Moreira

O deserto floresceu

Precisamos dos recursos da Taxa turística. Mas precisamos também de olhar o futuro de frente, sem saudosismos.

pub