Preservativos Durex com defeito retirados do mercado

Marca está a recolher lotes que “não passam os requisitos” em caso de pressão.
Por Cláudia Machado|09.08.18
A marca de preservativos Durex está a recolher voluntariamente "2,9% do volume total" de contracetivos vendidos em Portugal porque estes "não passam os requisitos para a pressão de rutura relativos ao final do prazo de validade para o produto". Em causa estão lotes específicos de Durex Real Feel e Durex Sem Látex, comercializados em caixas de 12 unidades.

A Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) alertou para o caso numa circular informativa, destacando "a variedade de canais de distribuição de preservativos existentes e a possibilidade de aquisição dos mesmos através da internet".

Questionada pelo CM sobre qual o ponto de situação da recolha voluntária, a marca Durex referiu não dispor "de dados consolidados sobre o processo" e explicou que "a prioridade era suspender a venda dos lotes específicos".

A Durex garante ainda que não verificou "um aumento de reclamações relacionadas com a gama de preservativos látex". Já sobre quantos pedidos de reembolso foram processados ou submetidos, a marca garante, mais uma vez, não dispor "de dados consolidados do processo".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!