Assalto com reféns ao BES de Campolide foi há dez anos

Um dos assaltantes foi abatido pela PSP. Outro cumpriu 5 anos de prisão e foi expulso do país.
Por J.C.R.|07.08.18
A agência bancária fechou, o assaltante morto foi sepultado, o que sobreviveu foi repatriado para o Brasil após cumprir pena e as vítimas não querem recordar o caso.

Dez anos depois, o assalto ao BES de Campolide é só uma recordação para os intervenientes. Foi a 7 de agosto de 2008 que Wellington Nazaré e Nilson Souza invadiram o banco e sequestraram os gerentes e clientes quando se viram encurralados pela polícia e nunca se renderam.

A situação acabou depois de horas de impasse, com a morte de Nilson, abatido por snipers da PSP. Wellington sobreviveu a um tiro na cabeça e esteve 5 anos preso. Foi expulso em 2013 e só pode regressar a Portugal em 2021.


pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!