Sub-categorias

Notícia

Austrália proíbe relações sexuais entre ministros e "subalternos"

"Não cumprir a norma constitui uma violação às normas", disse o primeiro-ministro.
Por Lusa|15.02.18

O primeiro-ministro australiano, Malcolm Turnbull, proibiu as relações sexuais entre ministros e "subalternos", uma medida adotada na sequência do episódio que envolveu o vice-primeiro-ministro, Barnaby Joyce.

"Hoje acrescentei às normas (ministeriais) uma disposição clara e inequívoca: os ministros, sejam casados ou solteiros, não podem manter relações sexuais com o 'staff'. Não cumprir a norma constitui uma violação às normas", disse o primeiro-ministro e líder do Partido Liberal.

"Não estou aqui para pregar moralidade", acrescentou o chefe do Governo em declarações aos jornalistas, em Camberra, sublinhando que é "preciso reconhecer ser inaceitável que em 2018 os ministros tenham relações sexuais com alguém" com quem se trabalha.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

pub