Sub-categorias

Notícia

Bancário confessa em Coimbra que se apoderou de 252 mil euros de clientes

Dinheiro era usada no "vício" do jogo online. Vai pagar 300 euros por mês durante 70 anos.
20.03.17
  • partilhe
  • 0
  • +
Bancário confessa em Coimbra que se apoderou de 252 mil euros de clientes
Tribunal de Coimbra Foto CMTV
Um ex-bancário, de 29 anos, confessou esta segunda-feria no Tribunal de Coimbra que se apoderou de 252 mil euros de contas de clientes do Montepio, entre 2009 e 2013, dinheiro que usava para alimentar o vício de apostas 'online'.

No início do julgamento, o arguido, natural de Santa Comba Dão, fez uma "confissão integral e sem reservas" dos factos presentes na acusação do Ministério Público, justificando o montante do qual se apropriou pelo vício "inexplicável" que tinha por apostas 'online'.

Segundo a acusação a que a agência Lusa teve acesso, o arguido aproveitou-se da qualidade de funcionário para se apoderar de "elevadas quantias de dinheiro" de diversos clientes da Caixa Económica Montepio Geral (CEMG), designadamente "os mais idosos, mais vulneráveis ou menos instruídos".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Cm ao Minuto

Luísa Jeremias

Antes cantasse...

Luciana deixa que os dramas domésticos se sobreponham ao seu talento.

Leonardo Ralha

Astronauta e salto de fé

Manoel de Oliveira e José Saramago só se tornaram quem foram após décadas de ‘trabalho normal’.

Magalhães e Silva

A máfia

Se o rei não se protege, que admira se lhe dão xeque-mate.

Ricardo Valadas

Aniversário da PJ

Prontificamo-nos para fazer parte de uma solução com dedicação.

Francisco Moita Flores

Sinopse do fogo

O primeiro-ministro foi igual a todos os primeiros-ministros. indiferente, frio

pub