Câmara de Marvão e junta de freguesia alvo de buscas

MP investiga crimes de desvio de subsídio e de peculato, praticados por titular de cargo político.
Por Lusa|23.05.18
  • partilhe
  • 0
  • +

O Ministério Publico (MP) anunciou esta quarta-feira que foram efetuadas buscas e apreendidos elementos de prova na Câmara de Marvão, numa junta de freguesia, em residências particulares e em sociedades daquele concelho do distrito de Portalegre.

Numa nota publicada na sua página de Internet, o MP explica que está em causa a eventual prática dos crimes de desvio de subsídio e de peculato, praticados por titular de cargo político, estando o inquérito a ser dirigido pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Évora.

"De acordo com a denúncia apresentada e os elementos de prova já recolhidos, os factos, que terão ocorrido entre 2012 e 2016, decorrem da suspeita de existência de eventuais irregularidades no âmbito de um programa envolvendo fundos públicos do PRODER", lê-se no documento.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!