Câmara do Porto vai custear manutenção e seguro da coleção Juan Miró

Existe um protocolo entre a Câmara e o Ministério da Cultura, na sequência de um contrato de cedência.
Por Lusa|12.12.17
  • partilhe
  • 0
  • +

A Câmara Municipal do Porto vai custear a manutenção e o seguro da coleção do artista catalão Juan Miró, depois de o Governo escolher a cidade para a acolher em permanência, anunciou esta terça-feira o autarca Rui Moreira.

Na segunda-feira à noite, durante a Assembleia Municipal do Porto, que durou cerca de cinco horas, o presidente do município afirmou que existe um protocolo entre a Câmara e o Ministério da Cultura, na sequência de um contrato de cedência.

"Já ficaram definidas as condições", referiu, acrescentando que o processo está "agora parado" porque a coleção ainda não está totalmente na posse do Estado Português.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!