Casas de Pedrógão Grande estão sob suspeita

Inquérito do Ministério Público ainda sem arguidos.
Por Isabel Jordão e José Durão|24.08.18
O inquérito aberto pelo Ministério Público para investigar eventuais irregularidades no processo de reconstrução das casas de primeira habitação que arderam no incêndio de Pedrógão Grande, em junho do ano passado, ainda não tem qualquer arguido constituído, apurou esta quinta-feira o CM, junto da Procuradoria Geral da República.

A abertura do inquérito foi anunciada há pouco mais de um mês, estando a investigação a cargo da Polícia Judiciária de Coimbra.

As suspeitas surgiram nas aldeias, onde os habitantes conhecem os vizinhos e sabem quais são as casas de primeira habitação que arderam, as devolutas e de segunda habitação.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!