CP explica polémica sobre atrasos devido à rentré do PS

"Há décadas" que há "comboios especiais" e circulação não será afetada, afirma a empresa.
Por Lusa|24.08.18
  • partilhe
  • 3
  • +

A CP esclareceu esta sexta-feira que "há décadas" que realiza "comboios especiais", tendo sido feitos 1.706 no ano passado, e garantiu que a sua circulação "é programada", pelo que "não afeta a realização de outros comboios".

Este esclarecimento surge na sequência de uma notícia do Observador, segundo a qual a CP "aceita os atrasos" noutros comboios para que circulem comboios fretados para a Festa de Verão do PS.

"A CP realiza, há décadas, comboios especiais para os mais diversos clientes. Em 2017, foram realizados 1.706 comboios especiais e até 23 de agosto de 2018 775 comboios", refere a empresa, em comunicado.

"Sempre que se realiza um comboio especial, a CP solicita o respetivo canal horário ao gestor da infraestrutura, uma vez que os mesmos não estão integrados na circulação programada e regular. A IP [Infraestruturas de Portugal] analisa a viabilidade do pedido do operador ferroviário e, em caso positivo, emite um documento designado Carta Impressa, que contém os detalhes técnicos da marcha do comboio em causa", prossegue a empresa de transporte ferroviário.

"Este é um procedimento regular, no dia-a-dia das operações ferroviárias", salienta a CP, garantindo que "a circulação é programada e, portanto, não afeta a realização de outros comboios".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!