CPLP espera que "maturidade política" de Portugal e Angola ultrapasse diferendo

Diferendo resulta da acusação, por parte da justiça portuguesa, do ex-vice-presidente Manuel Vicente.
17.02.18
  • partilhe
  • 9
  • +
A secretária-executiva da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) disse este sábado esperar que "a maturidade política" de Portugal e Angola permita ultrapassar o atual diferendo devido à acusação, pela justiça portuguesa, do antigo vice-presidente Manuel Vicente.

Na semana passada, o Governo angolano entregou uma carta ao embaixador de Portugal em Luanda e também aos embaixadores dos Estados-membros da CPLP, que, segundo o chefe da diplomacia portuguesa, transmitiu o entendimento de Angola sobre a aplicação dos acordos judiciários bilaterais e da CPLP no âmbito deste processo.

Questionada pela Lusa, a secretária-executiva da organização lusófona disse não ter tido conhecimento oficial do teor da carta, que foi entregue apenas aos Estados-membros.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!