Costa diz que cooperação económica "tem de ser espinha dorsal" da CPLP

Primeiro-ministro português falou na sessão de encerramento da Cimeira de chefes de estado e governo a decorrer em Cabo Verde.
Por Lusa|18.07.18
  • partilhe
  • 1
  • +

O primeiro-ministro português, António Costa, defendeu esta quarta-feira que a cooperação económica e empresarial "tem de ser a espinha dorsal" da CPLP, que descreveu como uma "grande ponte" mais necessária do que nunca no quadro global.

António Costa falava na sessão de encerramento da XII Cimeira de chefes de Estado e de Governo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), que decorreu em Santa Maria, na ilha do Sal, Cabo Verde, desde terça-feira.

Num discurso de cerca de oito minutos, o chefe do Governo português realçou as decisões tomadas nesta cimeira "centradas nas pessoas", defendendo que são os povos dos nove Estados-membros da CPLP que "unem estes países".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!