Desemprego cai no Brasil mas ainda atinge 12,9 milhões de pessoas

Números foram divulgados esta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.
Números divulgados esta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que o desemprego no Brasil continua a cair mas a um ritmo muito lento e que o número de brasileiros desempregados ainda é desesperantemente elevado. Os dados divulgados esta quinta referem-se ao trimestre compreendido pelos meses de Abril, Maio e Junho passados.

De acordo com o IBGE, o desemprego em Junho deste ano no Brasil era de 12,3%, uma queda de 3,4% em relação ao mesmo mês do ano passado. Mas esse número ainda significa uma legião de 12,9 milhões de pessoas sem trabalho.

Os dados positivos sobre o emprego reflectem um ligeiro aumento real do número de brasileiros que conseguiram finalmente uma vaga de trabalho, mas, também, uma triste realidade que ajuda a fazer parecer que o desemprego caiu mais do que realmente caiu.

Ainda segundo o IBGE, entre Junho de 2017 e Junho deste ano subiu 17,8% o número dos chamados "desalentados", pessoas que perderam a esperança de conseguir um emprego, desistiram de procurar e, dessa forma, saíram da lista formal de desempregados, pois não procuram emprego, mas não da dura rotina de não terem trabalho algum nem conseguirem garantir a própria subsistência. 

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!