Desenvolvida nova pílula masculina sem efeitos colaterais

Projeto norte-americano abre caminho a novo método inovador de contraceção.
21.04.18
Um projeto de investigação norte-americano, realizado no Centro Nacional de Pesquisa em Primatas de Oregon, nos Estados Unidos, desenvolveu uma nova  pílula masculina, sem hormonas e efeitos a longo prazo, que consegue limitar a atividade dos espermatozoides.

Este contracetivo masculino, um composto orgânico denominado EP055, tem a capacidade de dificultar a fertilização, uma vez que atinge a proteína existente na superfície dos espermatozoides.   

Este método inovador antevê que, daqui a dez anos, possam existir substâncias seguras disponíveis no mercado para a contraceção masculina. 

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!