DGS confirma que surto legionella teve origem em torre de arrefecimento do Hospital S. Francisco Xavier

Número de casos infetados pela doença subiu para 54 e matou já cinco pessoas.
Por Lusa|16.11.17
A fonte do surto da bactéria 'legionella' no hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, foi pelo menos uma das torres de arrefecimento da unidade hospitalar, esclareceu esta quinta-feira a diretora-geral da Saúde.

Em declarações à agência Lusa, Graça Freitas explicou que o Instituto Nacional de Saúde (INSA) conseguiu apurar que as bactérias nas secreções dos doentes são da mesma estirpe que as encontradas na água de pelo menos uma das torres de arrefecimento.

"Há uma concordância entre estirpes das 'legionellas' presentes na água que estão numa das torres e as estirpes das secreções dos doentes", indicou, acrescentando contudo que o INSA continua ainda a fazer mais análises.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!