Doentes obesos acusam hospitais de contornar listas de espera

Assinala-se este sábado o Dia Nacional e Europeu da Obesidade.
Por Lusa|19.05.18

O presidente da Associação de Doentes Obesos e Ex-obesos de Portugal (Adexo), Carlos Oliveira, acusou os hospitais de controlarem as entradas nas primeiras consultas para a obesidade para não terem grandes listas de espera.

"O Hospital de Évora é talvez o hospital que teve sempre a consulta aberta e mostra o panorama real do país, porque nos outros hospitais, com a primeira consulta fechada, os números que têm nas listagens não são reais", disse Carlos Oliveira que falava à agência Lusa a propósito do Dia Nacional e Europeu da Obesidade, que se assinala este sábado.

Para Carlos Oliveira, apenas com consulta aberta se pode apurar quantas pessoas estão à espera para tratamento da obesidade. "Ao controlarem as entradas, a lista não é uma lista real", frisou.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!