Dois novos derivados de cannabis sujeitos a medidas de controlo na UE

Substâncias têm suscitado preocupações de saúde na Europa.
Por Lusa|14.05.18

A União Europeia decidiu, esta segunda-feira, submeter dois novos canabinoides sintéticos que já provocaram várias mortes na Europa a medidas de controlo nos 28 Estados-Membros, anunciou esta segunhda-feira o Observatório Europeu da Droga e Toxicodependência.

"As substâncias em causa são o ADB-CHMINACA e o CUMYL-4CN-BINACA, que têm suscitado preocupações de saúde na Europa", adianta o Observatório Europeu da Droga e Toxicodependência (EMCDDA, sigla em inglês) em comunicado.

As decisões de execução do Conselho da UE, com base em propostas da Comissão Europeia, foram adotadas na fase final do procedimento jurídico de três etapas, concebido para responder às novas substâncias psicoativas que podem suscitar problemas de saúde pública e ameaças sociais.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!