Empresas têm até abril para identificar verdadeiros donos

Parlamento aprovou novas regras contra o branqueamento de capitais.
22.08.18
  • partilhe
  • 0
  • +
As sociedades registadas na Zona Franca da Madeira vão ser obrigadas a comunicar à Justiça, ao longo do primeiro semestre de 2019, quem são os seus verdadeiros donos.

A medida integra o quadro legislativo de combate ao branqueamento de capitais aprovado no Parlamento.

De acordo com o calendário definido  numa portaria publicada ontem em Diário da República, o processo de comunicação, junto do Instituto de Registos e Notariado, tem início em janeiro de 2019 e prevê duas fases.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!