Ex-funcionário do Banif condenado a quatro anos de prisão efetiva na Madeira

Arguido foi também julgado pelos crimes de falsidade informática e subtração de documentos.
Por Lusa|13.07.18

O ex-funcionário do Banif acusado de desviar cerca de 650 mil euros de máquinas de multibanco foi sentenciado esta sexta-feira a uma pena de prisão efetiva de quatro anos pelo Tribunal da Comarca da Madeira.

O ex-bancário estava acusado pelo Ministério Público do crime de furto qualificado e a leitura do acórdão esteve agendada para 20 de junho, tendo coletivo decidido alterar a tipologia do crime para abuso de confiança qualificado.

O arguido foi também julgado pelos crimes de falsidade informática e subtração de documentos.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!