Ex-presidente de Tondela acusado de ajudar empresas

Em causa estão obras de requalificação de pavimentos em arruamentos em três povoações.
Por P.G. e T.V.P.|29.06.18
  • partilhe
  • 5
  • +
Carlos Marta, ex-presidente da Câmara de Tondela, é acusado pelo Ministério Público dos crimes de prevaricação de titular de cargo político, falsificação de documentos e favorecimento de credores.

Em causa estão obras de requalificação de pavimentos em arruamentos em três povoações de Tondela, no valor de cerca de 148 mil euros cada.

Contudo, o antigo autarca do PSD adjudicou as obras sem a realização de um concurso público, até porque a empresa em causa não se podia candidatar, por dívidas à Segurança Social e ao Fisco.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!