França vai passar a ter drones armados

Segundo a ministra, os exércitos franceses vão ganhar eficácia nas operações e "limitarão o risco de danos colaterais".
05.09.17
  • partilhe
  • 8
  • +
A França vai passar a ter 'drones' armados, juntando-se a um clube restrito de países como os Estados Unidos, Israel, o Reino Unido e a Itália, anunciou esta terça-feira a ministra da Defesa francesa, Florence Parly.

"Decidi iniciar o processo de armar os nossos 'drones' de informações e vigilância", declarou a ministra perante militares e deputados na Universidade de Verão da Defesa, em Toulon (sudeste de França).

Os Estados Unidos e Israel foram os precursores neste domínio, seguidos do Reino Unido. Na Europa, a Itália obteve em 2015 a autorização dos Estados Unidos para armar os seus 'drones' Reaper - de fabrico norte-americano.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!