Sub-categorias

Notícia

Grupo de sete partidos da Guiné-Bissau acusa Presidente de dar golpe de Estado

Por Lusa|19.05.17
  • partilhe
  • 0
  • +

Um grupo de sete partidos da Guiné-Bissau acusou hoje o Presidente do país, José Mário Vaz, de ter dado um golpe de Estado por ter, alegadamente, rejeitado, um acordo internacional para acabar com a crise política.

A posição foi assumida pelos partidos PAIGC, PCD, UM, PND (com assento parlamentar) e PST, PNU e MP, extraparlamentar, através de um comunicado a que agência Lusa teve acesso.

Agrupados no chamado Espaço de Concertação Política dos Partidos Democráticos (ECPPD), as sete formações políticas consideraram que José Mário Vaz rejeitou cumprir com o Acordo de Conacri que, no essencial, exigia-lhe que demitisse o Governo de Umaro Sissoco Embaló e nomeasse um novo primeiro-ministro de consenso de todos.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Cm ao Minuto

pub