Sub-categorias

Notícia

Inglaterra: Pai de 19 filhos aos 25 anos

Já é considerado o pai britânico mais 'irresponsável' pelos ingleses. Pela terceira vez em três meses está ‘comprometido’. Desempregado de 25 anos, Keith Macdonald, engravidou pelo menos duas namoradas novas, uma ex-namorada com quem já teve um filho e uma quarta mulher descobriu que está grávida de gémeos.
28.11.10
  • partilhe
  • 0
  • +
Inglaterra: Pai de 19 filhos aos 25 anos
A história vem a lume numa altura que um político social crítica os cortes sociais que, a seu ver, incentivam os pobres a procriar Foto D.R.

Não é fácil fazer as contas ao número de filhos que Keith Macdonald tem, nem aos que vêm a caminho. Pai pela primeira vez aos 14 anos, o jovem admite ter oito filhos e mais seis a caminho. Contudo, uma das suas antigas namoradas afirma que são 11 os filhos do jovem e que estão oito a caminho. O que perfaz um total de 19.  

O 'Daily Mail' tentou apurar quantos filhos na realidade McDonald tem, mas o jornal britânico escreve que "continua sem ser claro" se as últimas gravidezes fazem com que o jovem se torne pai de 14 filhos ou de 19. 

TRÊS NOIVADOS EM TRÊS MESES

McDonald esteve noivo, quinta-feira, de Amy Ward, de 32 anos, também desempregada. A imprensa britânica avança que era uma das mulheres grávidas. Amy chegou a contar aos tablóides que estes viviam juntos.  

Contudo, Amy Ward contactada de novo pelo jornal, negou estar grávida, adiantando ainda ter-se separado de Mcdonald, estando já numa relação com outra pessoa.

Não é a primeira vez que Mcdonald está noivo. Em Setembro esteve comprometido com Danielle Little, a desempregada de 24 anos que está à espera de gémeos. E prometeu também casar-se no mesmo mês com outra mulher, quando este descobriu que ela se encontrava grávida. 

Uma das ex-noivas avisou Amy Ward, através do Facebook, para ter cuidado mas Ward não gostou do comentário acusando a outra de não ter vida própria e de querer destruir a sua vida.

AS CONQUISTAS DE MCDONALD 

A ex-namorada, grávida novamente, foi pressionada por Mcdonald para não abortar: "eu ia livrar-me disto mas ele disse que queria [o bebé]". A jovem deu à luz o primeiro filho desta relação em Abril.

Mcdonald conheceu a maioria das suas conquistas nas paragens de autocarros. Vive de uma pensão por incapacidade por causa de um problema de costas (81 euros semanais) e de um apoio ao rendimento (cerca de 52 euros por semana).

O homem rejeita ter culpa por ter sido pai tantas vezes: "Eu uso preservativos, mas parece que eles estão sempre a romper-se." 

Ainda há dois meses este dizia que não tencionava ter mais filhos e que "todas estas raparigas estão a brincar" consigo.

A história vem a público numa altura em que o político conservador, Howard Flight, fez declarações que os cortes no estado social iam "incentivar os pobres a procriar".

O político explicou: "Vamos ter um sistema onde as classes médias são desencorajadas a reproduzir, porque é extremamente caro, mas para aqueles que vivem dos benefícios [sociais] há um grande incentivo. Bem, não é muito sensato."

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!