Jerónimo de Sousa diz que renegociação da dívida é estratégica e atual

Secretário-geral do PCP diz que proposta comunista de renegociação da dívida portuguesa continua a ter "uma grande validade".
Por Lusa|02.07.17
  • partilhe
  • 0
  • +

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, afirmou este domingo que a proposta comunista de renegociação da dívida portuguesa, é "estratégica" e continua a ter "uma grande validade e atualidade".

"É uma questão que colocamos, pensar que não fazer nada, ficarmos quietos, para ficarmos nas boas graças dos agiotas, é evidente que isso só complica o futuro do país. Por isso, a nossa proposta continua a ter uma grande validade e uma grande atualidade", defendeu o dirigente, em declarações aos jornalistas.

Falando à margem de um convívio de mulheres comunistas da cidades do Porto, que hoje se realizou em Resende, no norte do distrito de Viseu, o líder comunista reconheceu que o país tem uma das maiores dívidas do mundo, mas assinalou que, apesar de devedor, "o país também tem direitos".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!