Sub-categorias

Notícia

Madonna chama "medíocres" a Houston e Sharon Stone

Cantora critica carreira de amigas em carta.
Por Pedro Zagacho Gonçalves|14.07.17

Depois das primeiras luzes do sucesso, no início da década de 90 Madonna queixava-se de uma carreira que tinha estagnado. Numa carta enviada ao amigo e ator John Enos, a ‘Material Girl’ diz sentir-se "desconfortável" na própria pele e afirma que não quer ter "as carreiras horrivelmente medíocres" de Sharon Stone e de Whitney Houston, que à data eram amigas de Madonna.

A carta inédita e até agora desconhecida, vai a leilão na próxima semana e já está a gerar muita polémica.

"Preferia morrer a ser uma destas mulheres [Stone e Houston]. Irritei muita gente nos últimos tempos e agora estou a ser castigada e obrigada a ficar calada, sentada a um canto, enquanto outras pessoas menos interessantes estão a colher os louros e a aproveitar-se dos caminhos que eu desbravei", escreve Madonna, dizendo ainda que "Talvez tenha sido isto que os artistas negros sentiram quando o Elvis se tornou gigante".

Madonna tinha acabado de editar o álbum ‘Erotica’, acompanhado por um livro de fotos ousadas, o famosos ‘Sex’, que havia sido censurado e duramente criticado. Ainda assim, escassos meses depois, a artista viria a ganhar o seu primeiro Grammy.

"É muito frustrante ler que a Whitney Houston tem a carreira musical que eu desejaria ter e que a Sharon Stone tem a carreira cinematográfica que eu nunca terei. São apresentadas como fasquia e símbolo de virtude como se fosse para me humilhar. Não consigo jogar este jogo para ser aceite. Sou demasiado inteligente e tenho demasiado orgulho. Sinto que não tenho carreira, família, nada permanente ou tangível", queixa-se a voz de ‘Like a Virgin’.

Sharon Stone, que até hoje é uma das amigas mais próximas de Madonna, já se referiu publicamente à polémica carta.

"Minha querida Madonna. Em primeiro lugar acho absurdo que alguém esteja a divulgar a tua correspondência privada. Por isso, faço isto em público. Espero que saibas que sou tua amiga. Já desejei ser uma estrela rock em alguns momentos... E já me senti tão medíocre, como tu descreveste. Nós as duas sabemos, como só alguém que que sobreviveu durante tempo nesta vida, que assumirmos a nossa mediocridade é a única maneira assumirmos também os nosso pontos fortes. Foi por isso que nos tornámos no que somos hoje. Eu amo-te e adoro-te, não vou ser atiçada contra ti por causa de uma invasão à s nossas viagens pessoais", escreve Sharon Stone numa mensagem deixada à amiga nas redes sociais.

A carta de duas páginas poderá ultrapassar os quatro mil euros em leilão.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Cm ao Minuto

pub