Militares portugueses reconhecidos pelo trabalho na República Centro-Africana

Atual contingente é composto por 156 militares do Exército, na sua maioria paraquedistas, e três da Força Aérea, sendo no total 159 militares em operação.
Por Lusa|04.06.18

Os militares portugueses foram reconhecidos pelo seu trabalho na manutenção da paz na missão na República Centro-Africana, anunciou esta segunda-feira o Estado-Maior General das Forças Armadas Portugal (EMGFA).

"O General Fadhil Omary Nondo, do Exército da Tanzânia e Comandante de Setor das Forças Militares de Capacetes Azuis em Bambari, emitiu uma carta de reconhecimento aos militares do Exército Português que integram a Força de Reação Imediata ao serviço das Nações Unidas na República Centro-Africana", refere o EMGFA em comunicado.

Segundo o documento, a carta reconhece o "trabalho, dedicação e esforço exemplar" dos militares portugueses para garantir a segurança e a paz em Bambari, "apesar das dificuldades".

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!