Mulher morre em despiste para não atropelar peregrinos

Cristina Almeida, de 50 anos, seguia de moto para o trabalho e chocou com o carro de um vizinho na EN328.
Por Paulo Jorge Duarte e Francisco Manuel|16.08.18
Cristina Almeida saiu cedo de casa para ir trabalhar em Vale de Cambra, esta quarta-feira de manhã. Mas nunca chegou ao destino. A poucas centenas de metros, na EN328, em Cartim, para não atropelar os peregrinos que iam para o santuário da Senhora da Saúde, a mulher, de 50 anos, desviou-se e a moto em que seguia embateu de frente num carro.

Ainda foi transportada para o hospital de Vila Nova de Gaia, mas não resistiu e morreu. O condutor da outra viatura, de 23 anos e vizinho da vítima, ficou ferido e foi transportado para o hospital de Santa Maria da Feira.

"O acidente logo havia de acontecer com um vizinho e no dia da romaria da Nossa Senhora da Saúde" de Gestoso, em Vale de Cambra, disse ao CM José Teixeira, vizinho de Cristina Almeida, empregada doméstica, que morava em Cavião, muito perto do local do acidente.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!