Carlos César pede sentido de responsabilidade e não isolamento político

Líder parlamentar do PS afirma que partidos e Govero não querem voltar a ter uma falta de influência na política portuguesa.
Por Lusa|03.07.18
  • partilhe
  • 0
  • +

O líder parlamentar do PS afirmou hoje esperar que as negociações do próximo orçamento sejam caracterizadas pelo "indispensável sentido de responsabilidade", manifestando-se convicto de que os parceiros da esquerda não querem voltar a uma situação de isolamento político.

Carlos César falava na abertura da sessão plenária das Jornadas Parlamentares do PS, num longo discurso em que se referiu às negociações do Orçamento do Estado para 2019.

"É uma apreciação que esperamos que seja concluída o mais depressa possível, que seja marcada pela convergência e pelo indispensável sentido de responsabilidade que estão envolvidos nesse diálogo. Outra coisa que não se espera dos partidos que certamente que se orgulham dos resultados destes três anos de atividade governativa, até porque nem o PS se desviou do seu percurso, nem os partidos que têm apoiado o Governo querem voltar a um regime de isolamento e a uma falta de influência na política portuguesa", declarou Carlos César, numa alusão ao Bloco de Esquerda, PCP e PEV.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!