OMS recua na recomendação de aumentar preço de bebidas açucaradas

Peritos afirmaram que havia "visões em conflito que não conseguiram ser resolvidas" em relação à imposição de impostos.
Por Lusa|01.06.18
  • partilhe
  • 0
  • +
A Organização Mundial de Saúde recuou esta sexta-feira no apelo que fez há dois anos para aumentar globalmente os impostos sobre bebidas açucaradas, apoiada num relatório que saiu esta sexta-feira e que alguns especialistas consideram pouco fiável.

Em 2016, a OMS apelou às nações para taxarem as bebidas como refrigerantes e energéticas para combater a obesidade e a diabetes, estimando que um aumento de 20% no preço iria conter o consumo.

Esta sexta-feira, os peritos da organização afirmaram que havia "visões em conflito que não conseguiram ser resolvidas" em relação à imposição de impostos e afirmam que cada país tem de tomar a sua própria decisão.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!