Pedrógão Grande não recebeu carrinhas prometidas para projeto do cadastro

Carrinhas deveriam "circular pelos municípios e estarem presentes" neste concelho "durante sete semanas".
Por Lusa|03.08.18
  • partilhe
  • 8
  • +

O município de Pedrógão Grande está sem acesso às unidades móveis que tinha previsto receber no âmbito do projeto-piloto do cadastro rústico, alertou esta sexta-feira a autarquia.

A Câmara Municipal de Pedrógão Grande, uma das dez autarquias envolvidas no projeto, informou esta sexta-feira, numa nota de imprensa enviada à agência Lusa, que "estava prevista a colocação de carrinhas no terreno cedidas pela Agência para a Modernização Administrativa [AMA], que deveriam circular pelos municípios e estarem presentes" neste concelho "durante sete semanas".

No entanto, nota que "por motivos alheios" ao município "as carrinhas nunca foram disponibilizadas", tendo optado por criar, por sua iniciativa, três postos de georreferenciação descentralizados em Vila Facaia, Graça e na sede do concelho.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!