Portugal esgota recursos naturais e usa 'cartão de crédito' ambiental

Fim de recursos naturais renováveis de 2018 faz com que se comece a utilizar meios destinados para o ano de 2019.
Por Lusa|16.06.18

Portugal esgota este sábado os recursos naturais renováveis de 2018, o que significa que vai começar a usar meios que só deveria utilizar a partir de um de janeiro de 2019, anunciou a associação ambientalista Zero.

De acordo com a Zero, "se todos vivessem como nós", a partir de domingo "o mundo começaria a usar o cartão de crédito ambiental", porque "acabam-se hoje os recursos renováveis de Portugal".

Se cada pessoa no planeta vivesse como uma pessoa média portuguesa, "a humanidade exigiria o equivalente a 2,19 planetas para sustentar as suas necessidades de recursos", o que implicaria que "a área produtiva disponível para regenerar recursos e absorver resíduos a nível mundial esgotar-se-ia neste dia 16 de junho".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!