Passos sublinha as oportunidades de negócios na Guiné

Primeiro-ministro português apela a empresários para explorarem este mercado.
Por Lusa|06.07.15
  • partilhe
  • 0
  • +
Passos sublinha as oportunidades de negócios na Guiné
Pedro Passos Coelho conversa com o primeiro-ministro da Guiné-Bissau, Domingos Simões Pereira Foto Alfa Balde/Lusa

O primeiro-ministro português fez esta um apelo aos empresários para que explorem as oportunidades de negócios que estão a surgir na Guiné-Bissau, graças ao empenho das novas autoridades eleitas.

"Faço um apelo aos empresários aqui presentes para que explorem as mais-valias e a oportunidades potenciadas pelo desenvolvimento da Guiné-Bissau", referiu Pedro Passos Coelho, dirigindo-se a uma delegação de empresários portugueses que estão de visita ao país.

O governante falava em Bissau, durante a visita de um dia que faz ao país, na sessão de abertura de um seminário económico sobre as relações entre Portugal e a Guiné-Bissau.



pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De José.Ecd06.07.15
    Foi à terra da mulher levar uma prenda de 40 milhões de Euros. Andou a cortar nos rendimentos dos portugueses, sobrecarregou-nos com impostos e contribuições, para isto, para andar a esbanjar o dinheiro desta maneira?! Para nos iludir ou procurar confundir, depois de nos desfalcar com mais 40 mil, vem com esta "treta" agora, de que há oportunidades de negócios na Guiné! Olhe aproveite e invista lá você o dinheiro com que os portugueses lhe pagaram o salários, e até pode é ir para lá viver...
1 Comentário
  • De José.Ecd06.07.15
    Foi à terra da mulher levar uma prenda de 40 milhões de Euros. Andou a cortar nos rendimentos dos portugueses, sobrecarregou-nos com impostos e contribuições, para isto, para andar a esbanjar o dinheiro desta maneira?! Para nos iludir ou procurar confundir, depois de nos desfalcar com mais 40 mil, vem com esta "treta" agora, de que há oportunidades de negócios na Guiné! Olhe aproveite e invista lá você o dinheiro com que os portugueses lhe pagaram o salários, e até pode é ir para lá viver...
    Responder
     
     1
    !