PSP reabre processo a oficial que espancou adepto

Subcomissário julgado por agredir um adepto vai responder agora por bater num militar.
Por Liliana Rodrigues|05.06.18
O subcomissário da PSP de Guimarães que está a ser julgado por espancar um adepto à frente dos filhos e do pai, em maio de 2015, começa a ser julgado, na quinta-feira, por uma nova agressão, desta vez a um recruta do Exército.

PSP que agrediu adeptos do Benfica julgado em Guimarães
O caso aconteceu a 29 de março de 2015, dois meses antes da agressão filmada pela CMTV, e Filipe Silva volta a responder pelos crimes de ofensa à integridade física qualificada, falsificação de documento e denegação de justiça e prevaricação.

A PSP instaurou um processo disciplinar ao oficial e, a 31 de maio de 2017, foi arquivado por considerar que a vítima "tentou constranger" a Polícia e que "não ficou provado que o arguido tenha desferido qualquer impacto com o bastão". Ouvindo as mesmas testemunhas, o Ministério Público teve um entendimento contrário e acusou Filipe Silva. A PSP viu-se ‘obrigada’ a reabrir o processo disciplinar e aguarda a decisão.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!