Recuperação de empresas em Viseu após incêndios exige investimento de 250 milhões

Segundo estima o Conselho Empresarial.
03.11.17
  • partilhe
  • 2
  • +
A recuperação da capacidade produtiva das empresas da região de Viseu que foram afetadas pelos incêndios de outubro exige um investimento de 250 milhões de euros, estima o Conselho Empresarial.

Em comunicado enviado à agência Lusa, o presidente do Conselho Empresarial da Região de Viseu (CERV), João Rebelo Cotta, refere que "é de todo o interesse que estas empresas iniciem o mais rápido possível a sua recuperação produtiva".

"Tal exige que os empresários mantenham o impulso empreendedor e que o Estado crie as condições para incentivar o investimento, acelerar a recuperação e permitir que as medidas excecionais apresentadas pelo Governo sejam céleres e cheguem aos seus destinatários", defende.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!