Sindicato garante adesão total dos trabalhadores à greve ao trabalho extraordinário na CP

Para o presidente do SFRCI os trabalhadores "estão no limite".
Por Lusa|27.08.18
  • partilhe
  • 0
  • +

O presidente do Sindicato Ferroviário da Revisão Comercial Itinerante (SFRCI) garantiu esta segunda-feira à Lusa que a totalidade dos trabalhadores chamados ao trabalho extraordinário na CP aderiu à greve, e acusou o ministro das Finanças de "barrar" o entendimento com a empresa.

"A greve ao trabalho extraordinário [que decorre a partir de hoje e até 3 de setembro] abrange os revisores, trabalhadores de bilheteiras e as chefias diretas. A adesão tem sido a esperada. Todos os trabalhadores convocados para o trabalho extraordinário estão a aderir ao pré-aviso de greve", disse Luís Bravo em declarações à Lusa.

Apesar de não adiantar números, o líder sindical exemplificou que nos depósitos de revisores do Cais do Sodré e Santa Apolónia 50% do serviço é assegurado por trabalho extraordinário.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!