Sistema de rega e chuveiros da Academia Briosa encerrados por risco de legionella

Na segunda-feira, um homem deu entrada no Serviço de Urgência dos Hospitais da Universidade de Coimbra com sintomas.
24.11.17
  • partilhe
  • 0
  • +
O sistema de rega e os chuveiros dos balneários da Academia Briosa, da Académica de Coimbra, foram por precaução encerrados por determinação das Autoridades de Saúde na sequência da investigação ambiental após o aparecimento de um doente com ´legionella´.

"O Delegado de Saúde Regional do Centro confirma que na passada segunda-feira, dia 20 de novembro de 2017, teve conhecimento, através do Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica, de um doente que deu entrada no Serviço de Urgência dos Hospitais da Universidade de Coimbra com o diagnóstico inicial de pneumonia por 'Legionella' (Doença dos Legionários)", refere uma nota da Administração Regional de Saúde do Centro hoje enviada à agência Lusa.

Na sequência deste episódio, "foi identificado o risco de emissão de aerossóis contaminados no sistema de rega e num balneário da Academia Briosa -- Campo do Bolão. À luz do princípio da precaução, quer o sistema de rega quer os chuveiros dos balneários foram encerrados por determinação das Autoridades de Saúde, com exceção dos balneários do edifício autónomo Francisco Soares no qual os resultados foram negativos e que por isso podem funcionar normalmente".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!