Passos lamenta "casos de campanha" e considera acusação do Governo "ridícula"

Para o líder do PSD, "o PS deu muitas mostras de criar sempre casos de campanha para distrair as atenções".
Por Lusa|26.09.17
  • partilhe
  • 2
  • +

O líder do PSD lamentou hoje que o PS crie "casos de campanha", classificando como ridícula a sugestão do Governo de que haveria uma ação concertada do PSD a propósito do documento divulgado pelo Expresso sobre Tancos.

Passos lamenta "casos de campanha" e considera acusação do Governo "ridícula"


Durante um passeio de moliceiro na ria de Aveiro, ao lado do candidato à Câmara, Ribau Esteves, o líder do PSD escusou-se a comentar as palavras do secretário de Estado da Defesa, Marcos Perestrello, que hoje no Fórum TSF acusou o PSD de ter "cavalgado" uma notícia alegadamente mal explicada e desafiou o semanário a revelar a sua fonte.

"Assistimos a uma ação concertada do Partido Social Democrata, do principal partido da oposição, que tinha a obrigação de ter uma responsabilidade acrescida na forma como trata estes temas", afirmou o secretário de Estado, referindo-se tanto à tragédia que sucedeu em Pedrógão, depois ao furto de material de guerra em Tancos.

"Acho que a acusação é suficientemente ridícula para que o Expresso trate do assunto, acho que não é necessário eu responder", afirmou o líder do PSD.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!