Trabalhadores do Metro de Lisboa pedem chumbo de projeto que liga Rato ao Cais do Sodré

"Esta é uma má solução para a promoção da mobilidade da cidade da área metropolitana de Lisboa", referem.
Por Lusa|21.08.18
  • partilhe
  • 0
  • +
A Comissão de Trabalhadores do Metropolitano de Lisboa defendeu esta terça-feira que a linha circular, ligando o Rato e o Cais do Sodré, é uma "má solução" para a mobilidade na cidade e apela ao chumbo do projeto.

"Esta é uma má solução para a promoção da mobilidade da cidade da área metropolitana de Lisboa", refere a organização representativa dos trabalhadores do Metro, em comunicado, dizendo ter considerado "múltiplas opiniões de técnicos das mais diversas valências, que manifestam reservas e até forte oposição ao projeto, tendo em conta os custos envolvidos", e apreciações de muitos autarcas.

"Avaliando ainda os riscos para a segurança dos utentes, os graves impactos das obras e sobretudo, a ausência de estudos e medidas que identifiquem e resolvam os problemas que se irão verificar na operação para os trabalhadores e utentes", a Comissão de Trabalhadores do Metro apela a que a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) chumbe o projeto.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!