Usain Bolt não se arrepende pela retirada anunciada

Velocista jamaicano diz que a sua carreira "foi longa" e com "altos e baixos".
26.06.17
Usain Bolt, o já lendário velocista jamaicano que se retira do atletismo no final da época, disse esta segunda-feira em Ostrava que não se arrepende da decisão e que a sua carreira "foi longa" e com "altos e baixos".

Falando na conferência de imprensa de lançamente do meeting de Ostrava, na Reoública Checa, que terá lugar na quarta-feira, o atleta de 30 anos foi claro na sua determinação: "Fiz tudo o que queria fazer e agora é o fim. Não tenho problemas com isso. Voltarei a Ostrava, mas só para ver, para estar no meio do público e ver a nova geração aparecer".

"Foi uma grande carreira, aprecio os altos mas também os baixos, toda a experiência que adquiri, as alegrias e as tristezas", disse ainda o recordista mundial dos 100 e 200 metros e triplo campeão olímpico nas duas distâncias.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!