Sub-categorias

Notícia

Vasco Graça Moura: Acordo “delirante”

O presidente do Centro Cultural de Belém considerou “delirante” manter o Acordo Ortográfico depois de o Brasil ter adiado a sua aplicação para 2016.
30.12.12
Vasco Graça Moura: Acordo “delirante”
Foto DR

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
19 Comentários
  • De Leonilda08.01.13
    Concordo plenamente com VGMoura. O grande problema é que não há por aí ninguém com coragem, poder e discernimento para suspender a aplicação ridícula deste falso Acordo.
    Responder
     
     1
    !
  • De A.Marques01.01.13
    De inteiro acordo! De facto, nunca entendi a pressa de introduzir nas escolas este desacordo linguístico, nem a ligeireza de a maior parte da comunicação social nos impingir este mesmo desacordo, adoptando-o!
    Responder
     
     1
    !
  • De Rui31.12.12
    O Brasil não explicou o porquê do adiamento, portanto o Vasco Graça Moura está a pôr a carroça à frente dos bois achando que isto é uma vitória das posições isolacionistas dele quanto à língua.
    Responder
     
     5
    !
  • De MSoares31.12.12
    Saberão por que regras ou acordos estão a escrever os adversários do novo AO? O Brasil apenas adiou e justificará a independência do brasileiro! Inadmíssivel erro dos seguidores do Graça Moura!
    Responder
     
     8
    !
  • De m lopes30.12.12
    Manuel Lopes (9h59)- subscrevo totalmente. Os que defendem o AO não têm noção linguística, e o resultado foi mesmo uma cretinice. Para Gualter (12h24) - a língua é uma ferramenta em mudança, mas nem o tolo novo AO deixa
    Responder
     
     5
    !

Mais notícias