Victor Moita quer Ordem mais plural

Candidato concorre ao lugar de bastonário da Ordem dos Psicólogos Portugueses nas eleições do dia 6.
Por Cristina Serra|03.12.16
Victor Moita quer Ordem mais plural
O psicólogo Victor Moita quer maior transparência na Ordem profissional Foto Vítor Mota
Victor Moita disputa com Vítor Coelho e Francisco Rodrigues as eleições para bastonário da Ordem dos Psicólogos Portugueses (OPP), que se realizam na terça-feira, para o mandato 2017-2020.

A lista A, sob o lema "Psicologia Plural", é liderada por Victor Moita, quer mais transparência para os processos de gestão e governação da OPP e rever os custos da estrutura da Ordem, bem como os valores inerentes ao estágio e registo para a Ordem. "Há um grande peso dos gastos na estrutura da Ordem. Exemplo disso são os três milhões de euros gastos com a aquisição da nova sede. É uma despesa muito elevada para a instituição quando há três mil psicólogos desempregados e com dificuldade em pagar as quotas mensais", sublinhou ao CM o candidato.

O psicólogo defende uma Ordem que dê voz à pluralidade dos psicólogos e que atue em consonância, em termos profissionais e de organização interna.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!