Detido por injúrias filma GNR a dormir no posto

Acusado espera longamente para ser constituído arguido enquanto militar descansa.
27.08.18
Terá sido o cansaço ou o calor alentejano a provocar uma situação insólita no posto da GNR de Vila Nova de São Bento, em Serpa.

Um homem, acusado de injúrias e levado para o posto da corporação naquela localidade alentejana, viu-se obrigado a esperar longamente até ser constituído arguido. Tudo porque o militar de serviço no posto adormeceu.

A bizarra situação durou o tempo suficiente para o acusado gravar a espera em vídeo sem importunar o sono do militar.


pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De  Anónimo 27.08.18
    Quando se passa anos e anos a fazer turnos, o organismo vai ano, após ano ficar mais propício a problemas graves de sono, com consequências a todo o nível da vida destes profissionais, e claro tem ramificações no trabalho...criticar é fácil quando não se consegue compreender o panorama total ..
1 Comentário
  • De  Anónimo 27.08.18
    Quando se passa anos e anos a fazer turnos, o organismo vai ano, após ano ficar mais propício a problemas graves de sono, com consequências a todo o nível da vida destes profissionais, e claro tem ramificações no trabalho...criticar é fácil quando não se consegue compreender o panorama total ..
    Responder
     
     0
    !