Sub-categorias

Notícia

Hollywood em silêncio sobre abusos sexuais de Weinstein

Depois de pedir desculpas pela “dor causada”, o produtor contratou advogados.
Por Sónia Dias|09.10.17
Três dias depois do ‘The New York Times’ revelar que Harvey Weinstein, um dos produtores mais poderosos de Hollywood, assediou sexualmente dezenas de mulheres ao longo de três décadas, a comunidade artística mantém o silêncio sobre o caso.

À exceção de atrizes como Jessica Chastain, Brie Larson, Lena Dunham e Amber Tamblyn, que condenaram os abusos nas redes sociais, e Ashley Judd, ela própria uma vítima, são poucas as vozes que se fazem ouvir sobre o escândalo. A própria CNN diz que entrou em contacto com diversos atores e realizadores que trabalharam com o produtor em vários filmes e nenhum deles quis comentar o assunto.

Depois de ter pedido desculpas "pela dor causada" e de ter explicado que, nos anos 60 e 70 "os códigos de conduta no trabalho eram diferentes", Weinstein abandonou a sua empresa - The Weinstein Company - para receber terapia. Ao mesmo tempo, contratou uma empresa de advogados para processar o ‘The New York Times’.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Cultura

pub