Sub-categorias

Notícia

MORREU LAURA BRANIGAN

Laura Branigan, cantora norte-americana que atingiu o estrelato no início da década de 80 com os êxitos 'Gloria' e 'Self Control', morreu quinta-feira, em East Quogue, Nova Iorque.
30.08.04
  • partilhe
  • 2
  • +
MORREU LAURA BRANIGAN
Laura Branigan Foto EPA
De acordo com o seu empresário, John Bowers, Branigan, que tinha 47 anos, faleceu enquanto dormia vítima de aneurisma cerebral. Segundo o irmão, a cantora queixou-se durante duas semanas de dores de cabeça mas não chegou a consultar um médico.
Nascida a 3 de Julho de 1957 em Brewster, Nova Iorque, Laura Branigan estudou na Academia de Artes Dramáticas de Manhattan (famosa graças à série e ao filme 'Fama') e começou a sua carreira como corista do canadiano Leonard Cohen.
Em 1982, estreou-se a solo com o álbum 'Branigan', do qual foi retirado um dos seus maiores êxitos: 'Gloria', que se manteve 36 semanas no 'top', atingiu a platina e recebeu uma nomeação para o prémio Grammy, a primeira de quatro que a artista viria a conseguir.
O sucesso manteve-se em 1983 e 1984 com os temas 'How Am I Supposed To Live Without You', 'Solitaire' e 'Self Control'. Escolhida para cantar 'All Time High', tema de '007, Operação Tentáculo', Laura acabaria por perder para Rita Coolidge mas participou nas bandas sonoras dos filmes 'Flashdance' e 'Ghostbusters' e da série 'Marés Vivas'.
Embora tenha continuado a editar discos, Branigan não voltou a ter o sucesso de outrora, fazendo carreira paralela como actriz de teatro e de televisão.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Cultura

pub