Sub-categorias

Notícia

Olaria negra de Bisalhães é Património Imaterial da UNESCO

Processo de fabrico do barro negro necessita de salvaguarda urgente.
Por Lusa|29.11.16
Olaria negra de Bisalhães é Património Imaterial da UNESCO
Atualmente são sete os oleiros de Bisalhães que ainda trabalham o barro Foto Direitos Reservados

O processo de fabrico do barro preto de Bisalhães, em Vila Real, foi esta terça-feira inscrito na lista do Património Cultural Imaterial que necessita de salvaguarda urgente da Unesco, anunciou fonte do município.

A decisão foi tomada esta terça-feira, durante a 11.ª reunião do Comité Intergovernamental para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, que está a decorrer em Adis Abeba, capital da Etiópia.

A Câmara de Vila Real vai avançar com um plano de salvaguarda do barro negro de Bisalhães, cujo processo de fabrico foi hoje reconhecido pela Unesco, que prevê um investimento de 370 mil euros até 2020.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Cultura

pub