Procissão do Triunfo vai atrair multidão

A Procissão do Triunfo vai ter lugar no Domingo de Ramos, 16 de Março, em Tavira, mantendo viva uma tradição com mais de dois séculos de existência.
10.03.08
  • partilhe
  • 0
  • +
A cerimónia decorre a partir das 16h00, com início e fim na Igreja da Venerável Ordem Terceira da Nossa Senhora do Monte do Carmo de Tavira. Segundo as actas daquela Ordem, a procissão está documentada desde 1789.
A procissão é composta por nove andores, ricamente ornamentados, e relata a história da vida de Jesus Cristo desde o Monte das Oliveiras até à sua morte. Esta é a segunda maior manifestação religiosa do Algarve, depois das festas da Mãe Soberana, em Loulé, e a única com estas características que actualmente se realiza na região, no Domingo de Ramos – a procissão de Faro deixou de efectuar-se há alguns anos.
A abrir o cortejo vai o pendão roxo, seguindo-se a cruz guia com os ciriais. Depois passa a Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Olhão e, vestidas de anjinho, vão as crianças transportando os martírios do Senhor. Seguem-se as Ordens e Confrarias da cidade e os nove andores narrando o sofrimento de Cristo, com a Banda Municipal de Tavira a fechar o cortejo.
Como habitualmente, o presidente da Câmara Municipal de Tavira, Macário Correia, participa na procissão, transportando o pálio do Senhor Morto. O cortejo percorrerá diversas artérias da cidade tavirense, numa manifestação de grande religiosidade que atrai habitualmente um bom número de visitantes.
Tavira é a cidade do Algarve com maior número de templos religiosos – 24 edifícios, entre igrejas, paços e ermidas – dispondo apenas de um pároco residente, o padre David Sequeira, pelo que as cerimónias da Procissão do Triunfo não terão previamente uma eucaristia.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!