Chelsea e Manchester em frente na Taça da Liga

O Chelsea e o Manchester United apuraram-se ontem para a fase seguinte da Taça da Liga de Inglaterra, depois de baterem o Blackburn Rovers (2-0) e o Crewe Alexandra (2-1), respectivamente.
26.10.06
  • partilhe
  • 0
  • +
Chelsea e Manchester em frente na Taça da Liga
Joe Cole comemora a obtenção do primeiro golo do Chelsea com Robben Foto D.R.
Os comandados de José Mourinho, que ontem resolveu rodar a equipa e só apostou em um português para o onze (o guarda-redes Hilário), sentiram algumas dificuldades para bater o Blackburn de Benni McCarthy (ex-FC Porto) e só na segunda metade conseguiram chegar à vitória com um golo de Joe Cole à passagem dos 53 minutos e outro de Kalou a sete minutos do apito final.
Quanto ao Manchester United, sem grandes ‘estrelas’ no onze (Cristiano Ronaldo nem sequer foi convocado), deslocou-se ao terreno do Crewe Alexandra e só no prolongamento conseguiu ultrapassar a equipa ocupa o 12.º lugar da segunda divisão inglesa. O norueguês Solkjaer ainda marcou para o United à passagem dos 26 minutos, mas Varney a 15 minutos do fim igualou a contenda. Chegava o prolongamento, passavam os minutos e as grandes penalidades estavam à vista. Mas, a um minuto do fim, o jovem Lee correu mais que a defesa do Crewe e apurou os ‘red devils’.
Nos outros jogos de ontem, destaque para a derrota do Portsmouth na casa do Newcastle (0-3). Manuel Fernandes foi titular na equipa dos ‘pompey’, enquanto Pedro Mendes não foi sequer opção para Harry Redknapp, num encontro que também marcou a estreia do ex-sportinguista Douala pelo Portsmouth.
Resultados: Crewe Alexandra-Manchester United, 2-1; Milton Keynes Dons-Tottenham, 0-5; New castle-Portsmouth, 3-0; Blackburn-Chelsea, 0-2; Charlton-Bolton, 1-0 e Liverpool-Reading , 4-3. l
DROGBA DOBRA SALÁRIO
O excelente início de época do costa marfinense Drogba, do Chelsea, já começou a dar frutos. Depois dos elogios de Mourinho, ontem foi a vez do patrão dos ‘blues’, o russo Abramovich, agradecer os golos (cinco no total). E o agradecimento não foi um qualquer, é que Abramovich abriu o cordão à bolsa e aumentou o salário de Didier Drogba, que vai passar a ganhar 600 mil euros por mês, o dobro do que auferia actualmente.
Caso aceite esta proposta, que inclui a renovação do actual vínculo por mais quatro épocas, Drogba irá juntar-se a John Terry, Frank Lampard, Shevchenko e Michael Ballack no ‘clube’ dos jogadores do Chelsea que ganham mais de 500 mil euros por mês!

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!