Sub-categorias

Notícia

Domingos destaca "projeto ambicioso" do Belenenses

Técnico diz que clube pode "fazer mais e melhor".
Por Lusa|20.04.17
  • partilhe
  • 0
  • +

Domingos Paciência destacou esta quarta-feira o "projeto ambicioso" do Belenenses que o levou a aceitar o convite para treinar a equipa de futebol e frisou que os 'azuis' têm capacidade para "fazer mais e melhor" na próxima época.

"Quero agradecer o convite que me foi feito pelo presidente [Rui Pedro Soares]. É um projeto ambicioso, que vem ao encontro do que pretendo. Tenho todo o orgulho em estar aqui, num clube com os pergaminhos do Belenenses", começou por dizer, na apresentação como novo técnico do Belenenses, com o qual rubricou contrato até final da próxima época.

Domingos, de 48 anos, que substitui Quim Machado no comando dos 'azuis', salientou que a possibilidade de começar já a preparar a próxima época e conhecer os jogadores também influenciou a decisão de assumir o cargo a um mês do final da presente temporada.

"Este período também me ajuda a tentar enquadrar e projetar a próxima época. O Belenenses tem possibilidades para fazer mais e melhor do que fez esta época, sem colocar em causa o que os meus colegas fizeram. O objetivo para a próxima época é atingir os 40 pontos. Depois, logo se redefine os objetivos", referiu o treinador, que começou a trabalhar na terça-feira.

O técnico, que não comanda um clube desde que abandonou os cipriotas do APOEL, em agosto de 2015, revelou que não aceitou alguns convites que teve ao longo deste período e confessou "alguma angústia" por não estar a fazer aquilo de que gosta, sendo que, desde que saiu do Sporting de Braga, em 2011, não voltou a completar uma temporada ao serviço de uma equipa.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Desporto

Futebol

Invencíveis: os seis magníficos

Invencíveis: os seis magníficos

FC Porto e Sporting (Portugal), Barcelona e Atlético de Madrid (Espanha), Man. City (Inglaterra) e Inter (Itália) chegam a dezembro sem derrotas nas ligas internas.

pub