Sub-categorias

Notícia

FC Porto paga 13 milhões em comissões

Valor duplica em relação ao do exercício do ano anterior, que foi de 6,8 milhões de euros.
Por Mário Pereira|15.10.16
FC Porto paga 13 milhões em comissões
O FC Porto gastou 20 milhões em dois anos com comissões pagas por contas de aquisições (na imagem, Adrián López) Foto Manuel Araújo
A SAD do FC Porto pagou 13 milhões de euros em comissões relativas a transferências de jogadores no período entre 1 de julho de 2015 e 30 de junho de 2016. Este valor praticamente duplica o do exercício anterior (entre 2014 e 2015), que ascendeu a 6,8 milhões de euros. Conclui-se assim que em dois anos, a SAD do FC Porto pagou 20 milhões de euros em comissões.

Os dados constam do relatório e contas da sociedade que gere o futebol dos dragões, recentemente divulgado. "Os encargos com serviços de intermediação nas aquisições de passes de jogadores realizados nos exercícios findos em 30 de junho de 2016 e 2015, bem como na negociação e renegociação dos contratos de trabalho com jogadores, ascenderam a um total de 13 013 878 euros e 6 863 545 euros, respetivamente", pode ler-se no documento.

De acordo com os dados revelados, os 13 milhões despendidos até junho último foram pagos a 25 entidades, isto é, empresas de agenciamento. Entre estas está a Energy Soccer, de Alexandre Pinto da Costa, filho de Jorge Nuno Pinto da Costa, presidente do FC Porto.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Desporto

pub