Sub-categorias

Notícia

Futebolista irlandês encontrado morto em casa

Ryan, de 27 anos, tinha alinhado pelo Derry City no dia anterior.
20.03.17
  • partilhe
  • 0
  • +
O futebolista irlandês Ryan McBride, capitão do Derry City, foi encontrado morto em casa no passado domingo, noticia o The Mirror. O jogador, de 27 anos, tinha alinhado pelo clube no dia anterior e levado a equipa à vitória por 4-0.

Ryan foi encontrado no quarto de sua casa, situada perto do estádio do Derry, já sem vida. As causas da morte ainda estão por divulgar.

O clube e os fãs de Ryan já organizaram vigílias de homenagem ao jogador após o choque provocado pela sua morte. Também já vários clubes irlandeses e a federação do país prestaram as condolências ao clube e à família de McBride.

No comunicado, a Federação refere que o jogador, que alinhava no Derry City desde 2011, será homenageado na sexta-feira, no jogo de qualificação para o Mundial2018 frente ao País de Gales.

Na sua página oficial na rede social Facebook, o Derry City lamenta "profundamente a morte prematura" do seu 'capitão' e acrescenta: "Ryan McBride será sempre lembrado com um dos grandes nomes do Derry".

O Derry venceu no sábado o Drogheda United em jogo a contar para o Campeonato irlandês.








Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!

Mais notícias

Mais notícias de Desporto

Futebol

Federação de Futebol chama PJ

Federação de Futebol chama PJ

Fernando Gomes ordena disponibilização de processos de nomeação, classificação e relatórios dos observadores dos árbitros.

Taça das Confederações

Troca curso de química pela moda

Troca curso de química pela moda

Ucraniana de olhos verdes é a mulher do guarda-redes Igor Akinfeev com quem já tem dois filhos de dois e três anos.

Taça das Confederações

Lesão de Guerreiro cria polémica

Lesão de Guerreiro cria polémica

Ao princípio do dia o jogador garantiu nas redes sociais que tinha uma fratura contraída há três meses no seu clube. A Federação contrariou essa informação, garantindo que o defesa tinha apenas uma “contusão”.

pub