Ladrões roubam troféus a Pete Sampras

O tenista norte-americano Pete Sampras, um dos grandes dominadores do circuito na década de 90, perdeu alguns dos seus troféus depois de um assalto ao armazém em Los Angeles, onde guardava grande parte dos galardões.
08.12.10
  • partilhe
  • 0
  • +
Ladrões roubam troféus a Pete Sampras
Pete Sampras retirou-se da competição em 2002 Foto Record

Dos 14 troféus de torneios do Grand Slam, desapareceu apenas o primeiro dos dois conquistados no Open da Austrália, em 1994.

Foram, porém, roubados muitos dos 64 galardões arrebatados pelos norte-americano no circuito profissional, as duas Taças Davis conquistadas ao serviço dos Estados Unidos (1992 e 1995) e os seis troféus recebidos por terminar a época na liderança do ‘ranking’ (entre 1993 e 1998).

Retirado da competição em 2002, Sampras confessa que este roubo é mais doloroso do que o dia em que arrumou as raquetas.

"É como se me tivessem tirado a história da minha vida no ténis", lamentou. 

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!